Escrito por : Raphael Tafuri domingo, 10 de abril de 2011

É bem certo que, ao ser lançado em junho de 2003, o quinto livro de Harry Potter supriu em grande estilo a necessidade dos fãs de ter muita informação em mãos, contudo as 766 páginas da versão original inglesa de "Harry Potter e a Ordem da Fênix" deixaram vários com a sensação de que poderia ter sido menor e contar a história com a mesma qualidade de sempre.

A Warner Bros. não deixou isso passar e o quinto filme ganhou o seu roteiro por Michael Goldenberg (Peter Pan 2003 e os dois filmes do Lanterna Verde), sendo o único que não foi assinado por Steve Kloves (Garotos Incríveis e o novo filme do Homem-Aranha). Bastante irônica era a duração do filme, sendo o menor filme até então (quatro minutos a menos que "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban"). Muitos foram os fãs que tiveram vontade de apedrejar a Warner por isso, mas a própria J. K. Rowling (autora dos livros) disse em entrevista que se por acaso reescrevesse algum livro, daria uma "edição do diretor" ao quinto livro.


O lançamento do filme nos cinemas em 13 de julho de 2007 iniciou um período marcante para os fãs, que terminaria seis dias após com o lançamento do último livro. Mas vários lançamentos menores ocorreram logo antes do filme chegar aos cinemas. A Warner, ainda em contrato com a Microservice, interrompeu de vez todos os DVDs Duplos, fosse em Digipak ou Amaray. A partir de então seriam apenas DVDs Simples. Duplos apenas no lançamento. Para mostrar que estavam falando muito sério, eles lançaram o Box que iria perseguir os fãs por mais dois anos: um Scanavo com os quatro filmes da série. A arte era quase a mesma do box anterior, mas, por ser um Scanavo, tinha a espessura de um único DVD, ao invés daquele box gigante que estava nas lojas até então.


A alienação do público continuava com "4DVDs" escrito duas vezes na capa e na lateral também. Os discos eram os mesmos de sempre e, para deixar bem claro que nenhum filme trazia o Disco 2 a borda prateada do quarto filme foi removida da capa. Além disso, mantiveram as capas dos filmes 1 e 2 que haviam cometido os crimes da sobreposição de logotipos e maltrato da tipografia.

Os filmes também foram comercializados em DVD Simples e, na esperança de que ninguém notasse a ausência do Disco Dois, colocaram quatro cards respectivos a cada filme na embalagem e promoveram como um brinde exclusivo.

Quanto ao quinto filme, o logotipo ficou ainda mais alto e o subtítulo teve sua fonte trocada para uma que os fóruns de fontes ainda não consiguiram identificar com sucesso. De qualquer forma, esta nova fonte era bem mais alta do que a original e combinava muito bem com o logotipo do filme.

2007 também marcou a chegada da alta-definição ao mercado de Home Video. Duas grandes empresas, Sony e Toshiba, brigavam para ver qual formato prevaleceria, o Blu-Ray ou o HD-DVD. Enquanto elas não se decidiam, a Warner novamente não perdeu tempo. No fim de 2007 lançou o quinto filme de Harry Potter em DVD, HD-DVD e Blu-Ray, assim como todos os outros quatro filmes também foram lançados nos dois formatos de alta-definição.

Estojo do HD-DVD aberto.

À época eu não entendia muito bem quais eram as diferenças, mas foi o "Harry Potter e a Ordem da Fênix" que me orientou em qual era melhor. Tanto o HD-DVD quanto o Blu-Ray vinham com os mesmos extras e, se o HD-DVD precisava de Dois Discos, assim como o DVD e o Blu-Ray precisava de um só, o Blu-Ray deveria ser muito melhor. E não deu outra, em fevereiro de 2008 a Toshiba anunciou o fim do HD-DVD. 

Simulação.
A arte de capa do filme era uma coisa inédita. Nenhum poster de cinema, mas uma arte nova que não valorizava em nada o logotipo do filme, que vinha bem pequeno no topo da foto. Em alguns países que utilizaram o poster que abre essa postagem, o logotipo era colocado ao canto. Como uma pessoa que nunca precisou de ajuda pra perceber que cada DVD tinha um logotipo diferente (os filmes 3 e 4 mudavam apenas a cor, e no cinema era a mesma coisa) eu não fiquei nem um pouco feliz.

Seguindo a tradição, a Warner presentou os fãs novamente por serem os primeiros a adquirir suas cópias tanto do DVD quanto do HD-DVD ou Blu-Ray de "Harry Potter e a Ordem da Fênix". Mais uma vez fomos presenteados com um caderno do filme, mas esse era de uma qualidade muito superior ao anterior, com um poster na capa e o emblema de Hogwarts em todoas as folhas, assim como o logotipo do filme e uma borda que similava os livros norte-americanos da série.


Mas as características da Microservice prevalesciam e a arte do filme era bem similar à do anterior. Um Amaray Duplo em estojo preto. O Disco 2 com menor quantidade de extras já lançado e a primeira contracapa sem o Harry voando (a minha favorita até agora).

Os discos respeitavam boa parte da propaganda do filme, bem como a contracapa dele e, desde o segundo filme, foi o primeiro onde o Disco 1 não representava a capa do longa. Nessa arte toda só faltou uma coisinha bem pequenininha, que pelo visto nem merecia tanta importância assim: A Ordem da Fênix. Mas que bobagem, por qual motivo concreto o título do filme mereceria algum destaque? Muitos dos que não leram o livro saíram do cinema achando que A Ordem da Fênix era o grupo formado por Harry, Rony, Hermione e outros alunos como Neville, Gina, Luna e outros.

A impressão da Microservice, ruim como sempre, deixou os discos ásperos e escuros e o teto do corredor do Departamento de Mistérios quase não aparece no topo do disco. Confira abaixo uma comparação entre a impressão do Blu-Ray Europeu, o DVD nacional e o Blu-Ray Norte-Americano do filme. É só clicar para poder ver os detalhes ampliados:

 
A Warner também fez uma mega promoção em que dava vários prêmios oficiais do filme. Cada cópia original vinha com um código único que deveria ser utilizado na promoção. Eu nunca participei dela, mas fiquei muito feliz que, pelo menos assim, vinha um panfleto qualquer dentro do DVD.

No mesmo dia foi lançado um box com todos os cinco filmes e, ao invés de um super box com 10DVDs, a Warner nos empurrou um box com apenas 6, que não era nada demais e não passava daquele box Scanavo junto do DVD Duplo do filme 5 juntos na mesma luva.

Um outro crime cometido na arte dos filmes em alta-definição foi a foto de Harry na lombada. Para que não fossem confundidas na hora de embalar, todas as capas vinham com um logo gigante da mídia na lateral, substituindo a foto de Harry acompanhada do número do filme (a Warner nunca se decidia em como escrever, colocando "Ano Um", "Ano Dois" e "2º Ano" na mesma embalagem, "3º Ano", "Quarto Ano", "Ano Cinco").

Como o Brasil só passou a produzir as próprias mídias de Blu-Ray em 2010 todos as mídias eram importadas (isso explicava o preço tão alto). Não o filme todo, apenas o disco. A capa era impressa aqui e tudo era embalado aqui. Como o Blu-Ray é dividido em apenas três regiões (A, B e C) nossos discos vinham, na maioria dos casos, direto dos Estados Unidos. Todos os filmes em Blu-Ray tinham inúmeras faixas de áudio como alemão, francês, holandês e italiano, mas nenhum tinha áudio no nosso idioma. 

Todos os Blu-Rays de Harry Potter foram lançados em embalagem Amaray simples sem encarte algum e sem impressão no verso (Microservice). Confira abaixo as artes:

Disco Europeu.

No Blu-Ray a Warner inseriu a crítica ao primeiro filme, fato que ainda não havia acontecido. A lista de informações especiais não foi traduzida e a Microservice assina não apenas a distribuição, mas também a produção do filme.

Pessoalmente eu tive a falta de sorte de alguns Blu-Rays virem com o disco da embalagem especial americana que havia sido lançada junto com o quinto filme. O disco até é bonito, mas quando ele está sozinho na embalagem azul não é tão legal assim.


Mais uma vez o filme veio com a arte do Giftset americano e o logotipo da capa continuou sem ser corrigido. Como já disse em vários outros posts, o Blurrei oferece um desafio muito grande ao designer, pois possui bem menos espaço de capa e necessita de um número de informação extremamente maior na contracapa. E essa de "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban" é a minha favorita em Harry Potter.


Finalmente uma edição especial de "Harry Potter e o Cálice de Fogo" foi lançada com a capa em fundo preto & branco (já tínhamos os DVDs simples que eram assim). Como o disco era importado, eu sempre suspeitei que nosso Blu-Ray era em preto & branco apenas para acompanhar o disco que já veio impresso assim. De qualquer forma é muito bonito.


Foi o Blu-Ray desse filme que me fez parar de rejeitar essa capa. Com mais arte lateral eu vi que ela realmente é muito bonita, embora o logotipo do filme tenha ficado ainda menor. A contracapa também ficou muito bem representada e o disco é bastante interessante. Não sei se o scan mostra, mas o logotipo do filme, que sempre foi no estilo cobre, era pintado apenas da um lado da letra. O outro, o lado mais claro, não era totalmente impresso, contando com a transparência do disco para mostrar o efeito do logotipo. O fato da arte ser bem mais legível também me conquistou, assim como esse ser o único Blu-Ray onde todos os extras eram apresentado em alta-definição e, pela primeira ve, tínhamos extras exclusivos para o Blu-Ray, o Maximmum Movie Mode da Warner.

No próximo post você vai ver como as coisas vão começar a melhorar de novo!


{ 7 comentários... read them below or Comment }

  1. Parabéns, faz uma semana q conheço o site blurrei e já sou fã, adoro ver comparações de capas e coisas do gênero, ainda mais sendo fã d Harry Potter (Não vejo a hora d vcs colocarem os scans do novo filme)

    ResponderExcluir
  2. Essa vai ser a capa?http://www.coversblog.com.br/wp-content/uploads/2011/04/Harry-Potter-E-As-Reliquias-Da-Morte-Parte-1.jpg

    ResponderExcluir
  3. http://www.coversblog.com.br/wp-content/uploads/2011/04/Harry-Potter-E-As-Reliquias-Da-Morte-Parte-1.jpg

    ResponderExcluir
  4. Parece ser, sim. Tá bem no estilo mesmo. Obrigado por mandar o link!

    ResponderExcluir
  5. Até agora foi o melhor desses posts de HP, e o mais engraçado que é de um dos filmes q menos gosto. A capa do dvd é ruinzinha mesmo. Ainda bem que a da edição definitiva é bem bonita, mesmo com a Hermione montada (opa!) na vassoura.

    ResponderExcluir
  6. Nossa, adoro esse site, tem muitas informações.

    Sou fã incondicional de Harry Potter.

    Só reparei em um coisa errada, no começo do post você diz que o filme foi lançado em 15 de Julho de 2007, na verdade estava previsto para o dia 13 de Julho de 2007, mais alguns meses antes da estreia, a Warner adiantou o filme para 11 de Julho de 2007, eu lembro, sempre vi os filmes logo na estreia, somente "As Relíquias da Morte - Parte 2" que conferi na Pré-estreia e "O Cálice de Fogo" que conferi no dia 26 de Novembro e o filme havia estreou no dia 25 de Novembro no Brasil, mais eu tinha apenas 11 anos e não podia ir sozinho.

    Não quero se chato, só apontei esse errinho básico.

    Parabéns pelo site.

    ResponderExcluir

- Copyright © Blurrei - Blu-Ray, CD, DVD, Livros e muito mais! -